Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nós Sem Ideias

O dia a dia de uma familia em que o filho mais velho foi diagnosticado com PHDA...completamente sem ideias e a precisar de todas as dicas possiveis para lidar com isto...

Nós Sem Ideias

O dia a dia de uma familia em que o filho mais velho foi diagnosticado com PHDA...completamente sem ideias e a precisar de todas as dicas possiveis para lidar com isto...

Diagnóstico

clueless, 23.07.20

Desde o pré-escolar que as professoras do Martim me foram alertando para certas atitudes dele.

Sempre que era hora da história, por exemplo, parecia sempre desatento, distraído e pior, distraia os outros coleguinhas.

Cada vez que tinha um trabalho para fazer não parava quieto, lá ia fazendo os desenhos ou colagens mas tinha de estar sempre a bater o pé, a tamborilar com os dedos na mesa ou até mesmo a morder o bibe.

A principio pensávamos, ou queríamos pensar, que era porque tinha muita energia e alguma imaturidade a mistura.

Nenhum Pai gosta de um Diagnóstico que rotula o seu filho

Quando começou no 1o ciclo a situação agravou-se, o Martim não parava quieto, o Martim fazia-se de engracadinho e contava historias desconexas ou interrompia a professora na altura mais impropria....no recreio não conseguia brincar com os colegas porque ao final de 5 minutos ja queria mudar de brincadeira ou achava as regras estúpidas. 

Fomos com ele a uma psicóloga que esteve com ele 2 vezes apenas antes de dizer que o problema do Martim era a concentração e precisava de terapia da fala porque o problema dele era que não processava a informação que recebia. Não concordei muito com este relatório e a professora do 1o ano também não até porque o Martim era excelente aluno tinha boas notas, ou seja, problema de compreensão nem tanto, mas para tentarmos alguns métodos e brincadeiras para treinar a concentração e ele la foi melhorando umas vezes e voltando ao mesmo noutras.

Quando começou o 2º ano decidimos em conjunto com a escola pedir apoio a um gabinete de psicologia com o qual o agrupamento tem um protocolo.O Martim foi acompanhado e avaliado durante quase 2 meses. Entretanto veio a pandemia mundial e ficamos em casa com um Martim que simplesmente se recusava a fazer qualquer tipo de trabalho, deixou de querer sair de casa nem que fosse para uma voltinha e passou a comer menos de metade do que comia.Fui relatando estas situações a psicóloga e ela foi-nos dando dicas para melhorar o ambiente la em casa, sendo que esta era e continua a ser uma situação for do normal e nem todos reagimos da mesma maneira.

Em Julho em pleno desconfinamento fomos informados que ja haveria relatorio e foi-nos pedido para ir a clinica.

E foi confirmado o nosso receio o Martim sofre de PHDA, tem uma inteligência  acima da média que foi o que o safou até agora mas tudo o que tinha a ver com o processo de para para pensar e explicar em como chegou aquela resposta é dificil, é muito impulsivo, fica resentido de as vezes não conseguir ser como os outros meninos  e por isso fica meio revoltado o que gera frustração e agressividade.

O Martim vai fazer terapia, vai ser acompanhado tanto na escola como na clinica e há certos acertos a fazer no metodo de ensino relativo a ele.

Estamos a pensar se quando começar o proximo ano escolar a medicação é uma alternativa mas em pricipio será para avançar.

Saí da reunião talvez mais aliviada por ja etr um diagnóstico, decidida a fazer tudo para o ajudar, mas por outro lado a pensar que se arrastasse o pedido de ajuda como seria o Martim no 5º ano por exemplo?!Com aulas e professoras diferentes de 90 em 90 minutos com turmas com mais de 20 alunos....

Nem tudo o que parece é....

clueless, 20.07.20

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

A PHDA NÃO É UM PROBLEMA DE MÁ-EDUCAÇÃO

Já interiorizaste? Então aguarda que ja te explico melhor o que a PHDA realmente, ou o que se sabe até agora, é.....

Inicio

clueless, 20.07.20

Começo aqui a escrever com o intuito de organizar as ideias.

Estamos a 20Julho2020 a meio de uma pandemia Covid-19, estamos todos apreensivos com o Futuro e cá em casa após pelo menos 2 anos de avanços e recuos, finalmente o Martim foi diagnosticado com Hiperactividade, nada que não estivéssemos a espera, pois todos os sintomas apontavam para isso, mas o ter o diagnostico e a certeza traz uma montanha russa de sentimentos.

Não estamos sozinhos e sei que faremos tudo o que conseguir-mos para o Martim ser feliz.